Viola Davis estrela como a líder guerreira em 'The Woman King'. Foto: Ilze Kitshoff/Sony Pictures

‘A Mulher Rei’, com Viola Davis, entra em cartaz em MS

Dirigido por Gina Prince-Bythewood, o longa “The Woman King (A Mulher do Rei)”, protagonizado pela ganhadora do Oscar Viola Davis, já está em cartaz nos cinemas de Mato Grossodo Sul.

A história, inspirada em eventos reais, narra a saga das guerreiras Agojie, coletivo composto apenas por mulheres negras que protegiam o reino africano de Dahomey (Daomé) nos anos 1800. Esse coletivo inspirou-se na fictícia Dora Milaje no filme “Pantera Negra” da Marvel.

Integra o elenco do filme Lashana Lynch, John Boyega, Jayme Lawson e Hero Fiennes Tiffin. The Woman King foi dirigido por Gina Prince-Bythewood, que também assina o roteiro ao lado de Dana Stevens. A produção também conta como trilha sonora a faixa My Power, assinada por Beyoncé.

É uma história deixada de fora dos livros de história ocidentais que começam a história negra com a escravidão. A maior parte da literatura sobre Dahomey e Agojie é contada do ponto de vista dos colonos, que têm o desejo de desumanizar este reino, essas mulheres (e) nos fazem parecer selvagens, disse Prince-Bythewood, acrescentando que não era até que os cineastas tropeçaram nos diários e falaram com os descendentes que começaram a ver um lado diferente. 

Viola Davis treina um exército de mulheres para combater a escravidão. Foto: Sony

EM CARTAZ EM CAMPO GRANDE

Nesta quinta-feira (22.set.22), o Cinemark tem duas salas do filme em 2D legendado em português. Os horários disponíveis são às 15h e às 18h. Há apenas um horário, às 16h45 com uma sala com o filme dublado para o português. O cinema repetirá esses mesmos horários na sexta-feira (23.set.22).

​Já no sábado (24.set.22), no Cinemark exibe o filme em 2D legendado para o português às 15h; 18h e 21h05.

No mesmo sábado (24.set), haverá opção do filme em 2D, dublado em português. Nesse caso, as opções de horários serão às 13h45; 16h45 às 20h.

No domingo (25.set), The Woman King é exibido no Cinemark, em 2D, legendado em português, às 14h30; 17h30 e 20h30. No mesmo domingo, o filme também terá a opção dublado para o português, com salas às 13h15; 16h20 e 19h30.

​CINÉPOLIS NORTE SUL PLAZA

De quinta (22.set) a domingo (25.set) exibe o filme somente em sua versão dublada para o português, às 15h, às 18h ou às 21h.

O UCI BOSQUE DOS IPÊS

Nesta quinta (22.set) e sexta (23.set) tem apenas o horário de 21h30 para o filme legendado em 2D.

Já para o filme 2D em sua versão dublado, nesta quinta (22.set) e na sexta (23.set) o UCI é o cinema na Capital que tem o maior número de horários: às 14h30; 15h30; 17h40; 18h30 e às 20h45.

No sábado (24.set) e domingo (25.set) o UCI terá dois horários para exibir o filme em 2D legendado: às 15h05 ou 21h50. Para esses mesmos dias, terá o filme na opção dublado para português nos seguintes horários: 13h; 13h30; 15h50; 16h20; 18h40 e 21h30.

Confira o trailer de A Mulher Rei a seguir:

SALA EM DOURADOS

O filme também está com salas no cinema Cine Araújo – Multiplex Shopping Avenida Center, em Dourados (MS). Nesta quinta há exibição às 16h45, 19h e 21h45, somente na opção dublada. O cinema não disponibiliza a agenda dos próximos dias.

SALA EM TRÊS LAGOAS

Na divisa com SP, em Três Lagoas (MS), o Cinépolis Três Lagoas exibirá o filme de quinta (22.set) a domingo (25.set), sempre às 16h, 19h ou 22h. Todos na opção dublada.

SALA EM PONTA PORÃ

O Circuito Cinemas Ponta Porã exibe o filme em 3 horários: 15h30, 18h15 e 21h. Na sua versão dublada. As salas estão listadas desta quinta (22.set) à quarta (28.set) com ingressos à venda ao público.

RECEPTIVIDADE DO FILME

Viola Davis estrela como a líder guerreira em ‘The Woman King’. Foto: Ilze Kitshoff/Sony Pictures

“The Woman King” estreou há uma semana nos EUA e no Canadá. Por lá, segundo a EntTelligence, 1,4 milhão de pessoas viram o filme nos primeiros 3 dias. O público negro foi responsável por 56% de todas as vendas de ingressos do fim de semana de abertura.

Com isso, a obra produzida pela Sony faturou US$ 19 milhões nas bilheterias americanas em uma semana, superando os US$ 12 milhões previstos pela empresa.

“Assim como ‘Pantera Negra’, ‘The Woman King’ mostra o lado da história das pessoas negras brutalmente escravizadas pelos europeus. Os enredos são a oportunidades para trazer ao público a cultura africana em todos os públicos. 

Nos EUA, a crítica e o público elogiaram o filme. As avaliações agregadas da crítica foram de são 95% “Fresh” no Rotten Tomatoes e as avaliações do público geral estão em 99%.

Analistas de bilheteria esperam que “The Woman King” recupere facilmente seu orçamento de produção de US$ 50 milhões e tenha o potencial de se expandir para um público mais amplo à medida que o boca a boca se espalha, assim como “Top Gun: Maverick” da Paramount e Skydance nos últimos meses.

Antes de sair…

​Gostaríamos de convidar você a ajudar nossa iniciativa. Siga @teatrinetv no Instagram, curta, comente e compartilhe nossos posts. Isso tudo é de graça e nos ajuda muito!

O TeatrineTV é um site independente dedicado a produção de conteúdo jornalístico para arte e cultura com sede em Mato Grosso do Sul. Nosso trabalho consiste em oportunizar um espaço para divulgação, investigação e cobranças dos anseios da arte e cultura. Isso é, atuamos para ser mais que uma agenda cultural. Investigamos o uso da verba pública e denunciamos censuras do poder público ou privado. Cobramos transparência do uso de recursos e preservação de equipamentos culturais.

Essa é uma briga com gigantes, que tentam sepultar a diversidade cultural no Mato Grosso do Sul e no Brasil! Investimos nessa iniciativa, pois acreditamos que arte e cultura é o poder dos povos!

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s